O que fazer num dia em Sevilha? Se for Valentine's Day, aproveitem a promoção e comprem 2 bilhetes de um daqueles autocarros turísticos de primeiro andar descapotável, pelo preço de um e vão dar uma volta pela cidade. Quando chegámos a Sevilha estávamos ainda a pensar o que fazer quando nos fizeram a oferta. Percebemos que seria giro experimentar. Apetecia-nos mesmo vestir a pele de turistas. Desta vez trocámos a bicicleta pelo autocarro, mas ainda assim fomos de cabelo ao vento.


Não fomos a Sevilha por ser Valentines, fomos porque eu e a Aurora não nos cansamos de lá voltar e já fomos lá tão felizes (e tão parvas também) que achámos que não queríamos adiar mais a partilha da cidade com as nossas caras metades. Era mesmo um desejo adiado, fazermos esta viagem com eles.


Exactamente porque já lá voltei tantas vezes, não me surpreende especialmente a beleza arquitectónica da cidade, por isso a minha objectiva desta vez andou mais virada para as pessoas. Acho que são justamente elas e a dinâmica que criam na cidade que me faz querer sempre lá voltar. Gosto dessa diversidade e do facto de que de dia ou de noite a rua é o local preferencial para se estar.














Portanto a receita para este Valentines foi esta: Sevilha, amor, amizade, comida, diversão, pessoas e muito passeio. Desta vez não andámos a saborear os tapas espanhóis, porque estávamos mesmo numa de ser internacionais. Almoçámos nachos num Irish Pub na Triana e jantámos pizza e tapas de lasanha e canellonis no centro da cidade. Perfect!












Mal escurece, os bares enchem-se de gente como se fosse uma da manhã. As bebidas vêm mesmo antes do jantar e o convívio faz-se na rua. É bom absorver esta energia. 





4 comentários

Com tecnologia do Blogger.

Instagram