A senhora do call center que me ligou esta tarde a "oferecer" a adesão a um conhecido cartão de crédito perguntou-me a idade. Eu respondi-lhe imediatamente "Vinte e..." e antes de concluir calei-me porque percebi que os vinte já foram, agora já são trinta e um e continuo a não encarrilhar com isso. 

14 comentários

  1. Já me aconteceu várias vezes, o que não deixa de ser (muuiittooo) positivo! :)

    ResponderEliminar
  2. O meu cérebro às vezes também tem uns espasmos deste género. Os meus dezoito anos já lá vão há uns anitos, mas muitas vezes quando me perguntam que idade que tenho esse é o primeiro número que me vem à cabeça :s

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim nunca me tinha acontecido, mas a partir dos 30 passou a acontecer. Devo estar em negação inconsciente, logo eu que acho sempre que a idade não me complica os nervos. Talvez esteja enganada! :)

      Eliminar
  3. Pois também eu não encarrilho com os meus 31! Socorro, quero voltar aos vintes! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A idade é mesmo uma coisa muito psicológica.

      Eliminar
  4. podes sempre aldrabar a esses gajos... eles não sabem e tu tb não precisas de pensar nos 30 nessa altura

    ResponderEliminar
  5. Eu por vezes não sei responder entre os 31 e os 33. Já dei por mim, sem querer, a mentir na idade.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não tenho jeitinho nenhum para mentir, nem ao telefone, engasgo-me toda!

      Eliminar
  6. Eu tenho 28 e por algum motivo acho sempre que tenho 26! Deve ser negação. Mas para ser sincera acho que as pessoas costumam ficar melhores com a idade ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também concordo e sinto-me muito melhor agora do que quando era uma aborrescente com a vida e as indecisões todas pela frente :)

      Eliminar
  7. Respostas
    1. Sim, mas caramba, já passaram cinco meses! lol

      Eliminar
  8. És uma miúda ;) Hoje em dia, até uma pessoa de 50 é jovem :)

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.

Instagram