Coisas que me chateiam

by - 13.8.15

Bebedeiras. Não posso com elas, com as idiotices gratuitas, com o beber até cair para o lado. As bebedeiras fazem-me lembrar uma personagem da minha infância, o vizinho da avó Ju, o meu querido Zé Guerreiro, que viveu uma vida de dependência do álcool até que desistiu dela por si só. Fazem-me lembrar o corpo frágil e tremelicante de quem já não retira prazer da vida e vive só para o consumo. Lembram-me pessoas que vivem de enganos e desenganos perante si e os outros. Bebedeiras pontuais não fazem isso, bem sei, mas não compreendo essa necessidade de se estar bêbedo, de passar inebriado pela vida ou pelos momentos. Não julgo quem consome álcool moderadamente. Gostava de não julgar quem o consome até ficar podre de bêbedo pontualmente, mas julgo e sinto essa incapacidade de perceber. Para mim bebedeiras são sinal de insegurança, de fraqueza e continuam a representar uma forma estranha de desinibição. Bebedeiras continuam a ser responsáveis por momentos de alegria que podem resultar num valente arrependimento. Por isso as detesto, às bebedeiras! Por isso e porque as trato com frieza e não tenho paciência para elas. Porque a minha reacção perante elas, as bebedeiras, traz quase sempre à tona uma indiferença e rabugice face ao outro, o que está bêbedo, e despertam o pior de mim.     

You May Also Like

5 comentários

  1. A bebida é como tudo na vida, requer moderação :)

    ResponderEliminar
  2. Toda a gente fica muito admirada quando eu digo que nunca me embebedei. Já fiquei bastante alegre, mas nunca me embebedei a sério. Não gosto das figuras que uma pessoa faz, da ressaca nem nada disso. Para além de que não preciso de beber para me divertir.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu já me embebedei, algures na adolescências, umas quantas vezes e é por isso que me faz confusão ver adultos a embebedarem-se até cair para o lado como se fossem adolescentes. :D

      Eliminar
  3. Também odeio!!
    Odeio quando as pessoas começam a ficar mais alegres, riem por tudo e por nada, falam alto, parecem idiotas!
    Dá-me vontade de dar meia volta e bazar!

    ResponderEliminar
  4. Odeio odeio, odeio a parte em que sou a única sóbria e ter o azar de trazer esse pessoal para casa --

    ResponderEliminar